I Seminario: As culturas no Vale do São Francisco – Memorial do Ribeirinho


O Primeiro Seminário de Culturas do Vale do São Francisco, promovido pela PROIN, foi realizado no último dia 09 de agosto de 2012 e teve como foco principal o debate sobre o Memorial do Ribeirinho na UNIVASF. O evento teve na sua abertura as presenças da Pró-Reitora de Integração a Profª Lúcia Marisy, o Diretor de Extensão Profº Wagner Félix e o Diretor da DACC o Profº Euriclésio Sodré, que receberam toda a comunidade, destacaram o papel da PROIN e da importância de se discutir a criação de um espaço para a cultura do homem ribeirinho na UNIVASF.

A conferência de abertura foi feita pela Profª e Historiadora Maria Izabel Pontes, cuja fala sobre a Memória Cultural do Vale do São Francisco fez elucidar inúmeros aspectos da nossa tradição cultural, a qual tem sido abandonada em muitas das suas expressões. Mais conhecida como Bebela, a historiadora fez um mapeamento muito rico, deixando assim uma contribuição muito valiosa para o debate sobre o memorial. O professor Cosme Cavalcante e a professora Rosi Costa destacaram os trabalhos desenvolvidos nos Museus do Pai Chico e o Museu do São Francisco respectivamente, demonstrando toda uma pesquisa e esforços já desenvolvidos nesta área na região.

À tarde a Diretora da DIMUS ( Diretoria de Museus da Bahia), Professora e Museóloga Maria Célia, trouxe uma reflexão mais precisa sobre o trabalho museológico, destacando todas as preocupações e pontos conceituais que devem ser bastante discutidos, envolvendo a comunidade para se compor uma projeto de qualidade para a região. Para finalizar o evento houve uma roda de debates com a plateia, a qual levantou suas idéias e reforçou todo o contexto já discutido sobre o tipo de Museu ou Memorial, sua possível localização na Ilha do Fogo, implicações e responsabilidades. O evento estreou o debate sobre o Campo da Museologia na região do Sub-médio São Francisco, abrindo um leque de possibilidades e encaminhando um projeto que a UNIVASF está encarando como desafio e prioridade na área cultural nestes primeiros anos de gestão.

 

Confira as fotos: